Por que o ácido fólico é importante para evitar malformação do bebê?

Na gestação, a futura mamãe deve tomar muitos cuidados com a nutrição para que não falte nenhum nutriente para o desenvolvimento saudável do bebê. Muitas dessas substâncias a alimentação não é capaz de garantir. É preciso fazer uma suplementação alimentar.

O ácido fólico é um derivado do Complexo B, relacionado ao desenvolvimento neurológico do feto. “Está comprovado que ele evita a malformação do tubo neural, que vai dar origem a toda coluna e ao sistema nervoso como um todo. Para evitar riscos de 70% de malformações no tubo neural, a mãe deve tomar o ácido fólico, no mínimo um mês antes de engravidar, e continuar tomando até o terceiro mês. Infelizmente, não adianta tomar depois dessa fase, pois o tubo neural fecha-se depois de seis semanas”, explica Dr. Luiz Fernando Leite, obstetra do Hospital e Maternidade Santa Joana.

Segundo o médico, a gestante pode tomar o ácido fólico isolado, ou em um complexo vitamínico. Se a opção for pelo comprimido, esta mistura costuma ter um cheiro forte por causa do Complexo B, e isso normalmente causa aversão nas gestantes, principalmente as que estão sofrendo com os enjoos. Por isso, alguns médicos preferem o nutriente isolado de outras vitaminas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *