Mães que comem frutas na gravidez têm bebês mais inteligentes

O portal Crescer recentemente publicou uma reportagem sobre os benefícios de incluir frutas na dieta das grávidas. Um dos especialistas consultados foi Dr. Alberto d’Auria, obstetra do Hospital e Maternidade Santa Joana. De acordo com um estudo realizado no Canadá, gestantes que incluem esse tipo de alimento no cardápio diário têm bebês com melhor desempenho cognitivo.

Para chegar a essa conclusão, os pesquisadores se basearam nos resultados de um estudo chamado Canadian Healthy Infant Longitudinal Development Study, com dados de mais de 3.500 pares de mães e filhos, além de testes de QI com 688 crianças de um ano da cidade de Edmonton, no Canadá.

Em uma publicação no jornal EbioMedicine, Piush Mandhane, autor sênior e professor associado de pediatria na Universidade de Faculdade de Medicina e Odontologia de Alberta, comentou: “Sabemos que quanto mais tempo uma criança fica no útero, mais ela se desenvolve – e os resultados dessa pesquisa mostraram que ter mais de uma porção de fruta por dia na dieta da mãe oferece ao bebê um benefício semelhante ao de ter nascido uma semana mais tarde”.

Os resultados do estudo apontaram um desvio de seis ou sete pontos a mais na escala de quociente de inteligência (QI) nos bebês cujas mães tinham o costume de consumir frutas durante a gestação. No entanto, o excesso pode trazer riscos. “Não é porque são frutas que podem ser ingeridas de forma indiscriminada e em grandes quantidades. A frutose em excesso pode ser depositada em forma de gordura no fígado; é preciso ter cuidado. Recomendo três porções por dia”, explica Dr. Alberto D’Auria, obstetra do Hospital e Maternidade Santa Joana. O ideal é elaborar um cardápio em conjunto com um nutricionista e com o obstetra.

O conteúdo completo pode ser acessado aqui.

Uma resposta para Mães que comem frutas na gravidez têm bebês mais inteligentes

  1. excelente post!!!! Dicas muito bacanas!!!!!! http://www.amormae.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *