Gestantes podem fazer exercícios como abdominais?

Um vídeo divulgado pela modelo fitness Sarah Stage causou polêmica. Ela, que engordou seis quilos em seis meses de gravidez, aparece fazendo abdominais.

Será que exercícios deste tipo não prejudicam a gestação de alguma forma? O portal UOL buscou respostas com a obstetra do Hospital e Maternidade Santa Joana, Dra. Carla Kikuchi.

Ela explica que não é apenas o ato de pressionar a região abdominal que pode gerar problemas para a gestante e seu bebê. Mas também por ter que ficar deitada durante a malhação: “pedimos para evitar exercícios nessa posição, principalmente a partir dos seis meses, pois a tendência é a pressão da gestante cair. O útero comprime os vasos e diminui o fluxo sanguíneo para o bebê”.

Abdominais, só até o 3º mês de gravidez, recomenda Carla. “Conforme o útero vai crescendo, o ideal é evitar esse exercício feito pela modelo”.

Mas isso não significa que exercícios físicos estão proibidos para gestantes, pelo contrário. O importante é diminuir a intensidade, respeitar seus limites. A especialista exemplifica: “a mulher vai precisar mudar as cargas e seguir um treino moderado. Ou seja, no fim do exercício a grávida deve ser capaz de manter um diálogo”.

Atividade física traz grandes benefícios para a gravidez. “Diminuição do risco de pressão alta e diabetes, menos dores na região lombar e melhora da autoestima,” diz a médica.

Para saber mais sobre o assunto, clique aqui e leia a reportagem completa do UOL.

Share

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*